Comentário de Salmos - Vol 4 / João Calvino

Código: 4UTK3JAYH Marca:
4x de R$ 14,87
R$ 85,00 R$ 59,50
Comprar Disponibilidade: Imediata Aproveite! Resta apenas 1 unidade
    • 1x de R$ 59,50 sem juros
    • 2x de R$ 29,75 sem juros
    • 3x de R$ 19,83 sem juros
    • 4x de R$ 14,87 sem juros
    • 5x de R$ 13,09
    • 6x de R$ 11,08
    • 7x de R$ 9,65
    • 8x de R$ 8,58
    • 9x de R$ 7,74
    • 10x de R$ 7,07
    • 11x de R$ 6,53
    • 12x de R$ 6,08
  • R$ 59,50 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

PÁGINAS: 608

 

BROCHURA

 

14 X 21

 

SINOPSE

 

O salmista confirma a sentença precedente, demonstrando a grandeza de Deus à luz do maravilhoso caráter de suas obras. Ele não fala da essência secreta e misteriosa de Deus que enche céu e terra, mas das manifestações de seu poder, sabedoria, bondade e justiça, que são claramente exibidos, embora sejam tão vastos para que nosso tacanho entendimento os apreenda. À luz deste fato aprendemos que a glória de Deus está bem perto de nós, e que ele tão franca e claramente se desvendou, que não podemos com razão pretender qualquer justificativa para a ignorância. Aliás, ele opera tão maravilhosamente, que até mesmo as nações pagãs são indesculpáveis por sua cegueira. - João Calvino - Salmo 77.14.

Somos seu povo e ovelhas de seu pasto, O profeta está falando daquela graça inusitada que levou Deus a separar seus filhos como sua herança, a fim de que pudesse, por assim dizer, alimentá-los debaixo de suas asas, o que é um privilégio muito mais excelente do que ser meramente nascidos como seres humanos. Qualquer pessoa estaria, porventura, disposta a vangloriar-se de ter sido transformada em um novo ser, sem sentir aversão ante a vil tentativa de roubar a Deus daquilo que lhe pertence? Todavia, a maioria dos homens não hesita reivindicar para si todo o louvor da vida espiritual. O que mais querem declarar os arautos do livre-arbítrio, senão dizer-nos que, por nosso próprio empenho, nós mesmos, filhos de Adão, nos tornamos filhos de Deus? Em oposição a isso o profeta, ao chamar-nos povo de Deus, nos informa que provém de sua própria boa vontade o fato de sermos espiritualmente regenerados. E ao denominar-nos ovelhas de seu pasto, ele nos dá a conhecer que, através da mesma graça que uma vez nos foi comunicada, continuamos a salvos e intocáveis até o fim. - João Calvino - Salmo 100.3.

 

Produtos relacionados

4x de R$ 14,87
R$ 85,00 R$ 59,50
Comprar Disponibilidade: Imediata Aproveite! Resta apenas 1 unidade
Pague com
  • Pagar.me V2
Selos
  • Site Seguro

Rede Nacional de Livrarias Ltda - CNPJ: 29.882.725/0001-32 © Todos os direitos reservados. 2021